(11) 4266-0513 (11) 4249-2545 (11) 97011-0268 (11) 94797-6909

Abuso das Drogas no Carnaval

Abuso das Drogas no Carnaval

Carnaval é uma festa animada, embalada principalmente pelo som de trios elétricos, onde há muita descontração, alegria e curtição. A grande maioria dos brasileiros ficam exaltados em busca de diversão nos dias de folia, o que pode ser um momento propício para o consumo exagerado de álcool e outras drogas.

Muita gente que gosta desta festa, deseja potencializar toda essa euforia com algum combustível. A grande maioria vai no bom e velho álcool e milhões de litros de cerveja e destilados descem goela abaixo nos quatro dias de folia. Muitos não param por aí e incluem outras substâncias químicas no cardápio.Destas, que são geralmente ilegais, o lança-perfume é a mais tradicional. mas também a maconha, cocaína e o ecstasy estão presentes neste baile.

É muito comum observar adolescentes, mesmo que não tenham o costume de ingerir álcool, sofrendo influência do grupo de amigos que insiste no consumo, além de favorecer a prática da relação sexual sem preservativo. Infelizmente, essa atitude pode ser um agente facilitador para um alcoólatra em potencial.

Cabe um alerta sobre as principais consequências do uso e abuso dessas drogas. O álcool, por exemplo, é o principal causador de acidentes de trânsito, gravidez indesejadas e/ou DSTs devido ao sexo desprotegido pois o indivíduo alcoolizado perde a noção de seus atos.

Já o lança-perfume, age com muita rapidez – seus efeitos variam de segundos a minutos, no máximo – e desaparecem rapidamente, entre 15 e 40 minutos.

O maior risco da inalação do lança-perfume é uma parada cardíaca ou respiratória. Como o efeito é rápido, usa-se mais vezes e fica-se cada vez mais alterado e menos ciente do perigo. Até o momento em que não se tira mais o pano embebido com a substância da boca e só se respira isso, aí está o perigo pois também pode-se desmaiar e só inalar.

O ecstasy tem aumentado bastante e atingido todas as classes sociais e idades. Na verdade, durante o caranaval cada um utiliza a droga de sua preferência, visto que as opções do "menu" são bastante diversificadas.

As autoridades deveriam investir na prevenção tanto como existe para álcool e direcão e AIDS/DSTs. Este trabalho deveria, cada vez mais, ampliar e abordar o uso de todas as drogas. Por exemplo, já que se distribui cartilhas de beber e dirigir e camisinha, deveria se distribuir uma cartilha sobre drogas.