Clínica de Recuperação Gratuita em São Paulo

Clínica de Recuperação Gratuita em São Paulo


A clínica de recuperação gratuita em São Paulo acaba sendo uma alternativa quando os familiares e o dependente não possuem condições de pagar pelos tratamentos, esses que sabemos que possuem um preço que varia, entretanto, tendem a ser altos.

O fato é que não é porque o tratamento é gratuito que ele deve ser de má qualidade ou menos eficaz, na verdade, existem locais preparados e que contam com excelentes tratamentos para ressocializar seus pacientes.

Geralmente esses locais possuem uma estrutura moderna e ainda contam com diversos espaços de convivência, esses que buscam fazer com que esse paciente seja reabilitado.

Além disso, é bem comum esses espaços possuírem um tratamento mais humanizado, podendo oferecer o que há de mais moderno e atual para conseguir com que haja a recuperação do paciente.

É importante entender como encontrar uma clínica de recuperação gratuita, e como funciona esse processo de internação para os pacientes, além disso os familiares precisam saber como agir nesse momento tão delicado. Confira abaixo!

 

O que é uma clínica de recuperação gratuita? Para que serve?

Para entender melhor o que é uma clínica de recuperação gratuita, saiba que as mesmas são centros de recuperação, eles são capazes de ajudar pessoas que estão sofrendo com problemas de dependência química e/ou alcoólica.

Geralmente essas mesmas pessoas não possuem nenhum meio financeiro capaz de pagar pelos tratamentos em questão. Além disso, essas clínicas ainda conseguem ofertar uma boa variedade de tratamentos e serviços, lembrando que os mesmos começam em processos simples indo até a desintoxicação completa do organismo.

Lembrando que mesmo essas clínicas de recuperação sejam gratuitas, elas ainda são capazes de oferecer os melhores tratamentos ambulatoriais e mais simples a longo prazo, além de ajudar nas partes mais complexas.

Claramente as fontes de financiamentos para essas clínicas de recuperação gratuitas, podem variar, sendo que as mesmas ainda incluem doações privadas, doações para a caridade e até mesmo subsídios do próprio Governo.

Além do mais, é importante saber que algumas dessas organizações acabam por conceder bolsas de estudos para médicos, permitindo então que as pessoas que não podem arcar com os custos dos tratamentos, consigam ser tratadas de forma direta nos centros de rede privada.

 

Onde encontrar atendimento gratuito para dependentes em São Paulo?

Saiba que o próprio CAPS ADD atualmente é um dos locais que são capazes de promover e atuar diretamente com a recuperação e reabilitação dos dependentes químicos, assim como dependentes do álcool.

Esses locais acabam usando uma metodologia de redução de danos, onde essa abordagem visa a diminuição dos danos sociais causados na saúde do paciente, justamente devido ao uso excessivo de droga.

Além do mais, precisamos salientar ainda que os pacientes acabam recebendo um tratamento diário de dentro de uma perspectiva individual essa que conta com uma evolução contínua, e é capaz de trabalhar as questões psicológicas e sociais do indivíduo.

Porém, é importante destacar também que o encaminhamento para uma clínica de recuperação gratuita somente pode ser realizado por vontade do próprio paciente.

Além do mais, saiba que atualmente a rede de saúde mental de São Paulo acaba contando com um total de 92 CAPS, sendo que 30 deles são para álcool e drogas, e alguns funcionam como CAPS III fornecendo um acolhimento integral e que funciona 24 horas por dia.

O CAPS mais próximo pode ser encontrado através do site da própria Prefeitura de São Paulo.

 

Quais são os centros de reabilitação gratuitos financiados pelo Governo?

Saiba que o Governo concede acesso a diversos programas de reabilitação, os mesmos são financiados, e estão disponíveis gratuitamente para aquelas pessoas que estão na dependência da droga e do álcool.

Sendo assim, isso acaba por incluir aqueles programas que acabam oferecendo ainda clínica de recuperação gratuita, geralmente as mesmas são financiadas não somente pelo Estado de São Paulo como algumas por parte do Governo Federal. Entre elas podemos destacar:

 

  • Centros que são administrados pelas prefeituras e que recebem verbas estaduais e federais;
  • Hospitais;
  • Subsídio que o Governo concede para as instalações privadas;

Lembrando sempre, que esses financiamentos ainda servem para cobrir por completo os custos que são voltados de forma direta para a reabilitação, e onde os mesmos devem ser concedidos para pessoas que não conseguem pagar ou até mesmo não podem pagar pelo tratamento de drogas ou álcool.

 

Qual é o perfil das pessoas que se qualificam para tratamentos em Clínicas de recuperação gratuitas?

Em relação aos centros de tratamentos administrados por organizações sem fins lucrativos, saiba que geralmente eles acabam fornecendo assistência para pessoas que realmente precisam desses serviços e não possuem condições mínimas de efetuar pagamentos.

Lembrando que essas mesmas organizações são capazes de oferecer tratamentos gratuitos, e eles podem ser realizados diretamente em clínicas de reabilitação ou ainda dentro de instalações privadas, tudo pode ser feito através de bolsas ou financiamentos do próprio Governo.

Além do mais, existem organizações religiosas que são capazes ainda de oferecer assistência, essa mesma vem em forma de pagamento para pessoas qualificadas, enquanto outras organizações religiosas acabam por oferecer reabilitação baseada plenamente na fé que fazem parte dos serviços ministeriais.

É preciso lembrar que a maioria dos programas de reabilitação acabam sendo financiados pelo Governo, e isso quer dizer que eles possuem requisitos bem restritos de elegibilidade.

 

Porque a dependência química acontece?

Antes de compreendermos onde encontrar uma clínica de recuperação gratuita, entenda que é interessante compreender melhor porque a dependência química acontece, isso porque sabemos que muitas pessoas ainda acham que basta ter força de vontade para sair dessa situação.

A realidade claramente é mais complexa, precisamos entender que algumas áreas cerebrais que existem, tais como a do sistema límbico que realmente é responsável por mostrar o que é “bom” para nosso organismo ou ainda a do córtex pré frontal que auxilia no planejamento e controle de ações.

Porém, certamente existe uma pergunta que nunca cala: por que a dependência química acontece? Lembrando que há muito preconceito com relação as pessoas dependentes, a maioria acredita que isso é uma fraqueza.

A resposta para essa pergunta realmente está no sistema límbico, justamente porque o mesmo perde o controle das ações, e dos impulsos, no planejamento e até mesmo nas decisões do usuário.

Saiba ainda, que havendo estímulos de prazer justamente por parte da droga, acaba então transmitindo a sensação para seu corpo inteiro, ou seja, é como se o corpo estivesse com temperatura agradável, alimentação boa, sexo, emoções gratificantes, acabam ativando esse sistema.

O que acontece é que por meio de um curto circuito nesse sistema, o mesmo acaba provocando uma ilusão química de prazer, nesse momento começa a induzir a pessoa a repetir esse comportamento de maneira compulsiva.

Além do mais, quando existe a dependência química, então a pessoa acaba perdendo a capacidade de lidar com os problemas de sua vida diária, e também sua capacidade de decisão, além de obviamente a organização.

É preciso conhecer os sintomas da dependência química antes de levar o adicto até uma clínica de recuperação gratuita, são eles:

  • Há o desejo incontrolável de consumir essa droga;
  • Com o tempo as doses vão aumentando;
  • Há perda de controle total;
  • Aumento de tolerância;
  • Agressividade;
  • Ansiedade;

Além disso, em determinados casos é essencial procurar tratamento o mais rápido possível, justamente porque a pessoa está em um ponto quase sem volta.

É possível buscar ajuda através de grupos de apoio, entre eles os Narcóticos Anônimos e ainda grupos de apoio voltados às famílias.

Sabidamente pode ser que haja prescrição de medicação para ansiedade e depressão, além de ajudar a controlar a agressividade, quanto aos pacientes mais graves, os mesmos necessitam de acompanhamento individualizado.

É importante lembrarmos que a motivação para o uso de drogas pode sim vir de diversos fatores, entre eles: a busca pelo prazer imediato, alívio de problemas, curiosidade, entretanto, o fato é que a maioria das pessoas não conhece o potencial dessas substâncias e dificilmente entendem como elas causam a dependência de fato.

Sobre a dependência, podemos destacar ainda que ela é capaz de acarretar com o descontrole da pessoa, essa que aos poucos acaba se desintegrando de seu meio social, e tudo isso com objetivo de se sentir bem novamente e por eliminar a sensação do mal estar.

É justamente a partir daí que o indivíduo acaba tendo tendência a repetir e aumentar a dose de determinada substância.

Além disso, quando as pessoas começam a ter sintomas de desconforto isso se chama “Síndrome de Abstinência” e ele surge cada vez que a pessoa cessa o uso dessas drogas, sendo assim, isso acaba fazendo com que a mesma busque por mais.

Lembrando que com o passar dos dias, a tendência é que o adicto acabe ficando com “tolerância à droga”, e isso é capaz de levar a mesma a um consumo cada vez maior das doses, tudo com o intuito de obter os mesmos sintomas de antes.

Além disso, existe ainda a fissura, a mesma é caracterizada por uma vontade quase que incontrolável de usar a droga, a qualquer hora do dia ou até mesmo da noite, esse é um momento bem perigoso.

Depois que a pessoa acaba se tornando dependente química, então o que acontece é que a mesma se torna uma doença de caráter crônico, e a mesma será permanente sendo que deve ser tratada o mais rápido possível.

Além disso, a dependência química merece toda nossa atenção, justamente porque ela prejudica ainda a própria família do usuário, além de sua vida social e particular.

Além do mais, as recaídas são muito comuns, o mesmo acaba voltando ao consumo da droga, é de extrema importância que durante o tratamento esse paciente acabe tendo foco para não voltar aos vícios.

Claramente esse transtorno não possui cura definitiva, e a pessoa precisa ter consciência de que sempre acabará tendo essa tendência de comportamento.

 

 

Conheça a Clínica Viva Vida

Saiba que na Clínica Viva Vida saiba que é possível contar sim com um atendimento bem completo, justamente porque o paciente receberá o que há de melhor e mais atual no tratamento da dependência química.

É preciso salientar ainda, que a Clínica Viva Vida não oferece tratamento gratuito, no entanto, ainda acaba sendo uma excelente opção para aquelas pessoas que precisam de tratamentos personalizados de acordo com seu perfil.

É preciso entender que o ambiente conta com uma estrutura excelente, e isso acaba visando um conforto bem maior, para esse momento em que tanto o paciente quanto os familiares estão passando e que é plenamente delicado.

Além disso, essa clínica conta ainda com uma equipe multidisciplinar, essa mesma é capaz de oferecer tratamentos completos, trabalha ainda a desintoxicação do organismo, além de que é capaz de tratar os aspectos emocionais e sociais as quais as drogas acabam afetando.

Lembrando sempre, que essa abordagem é cada vez mais eficaz e consegue ainda trazer resultados mais definitivos e positivos. Além do mais, muitas vezes através da internação esse paciente acaba ficando em um ambiente longe da droga, para facilitar esse momento de abstenção.

É válido salientar ainda, que a abstinência é extremamente importante para que o tratamento acabe se concretizando, e para que o paciente consiga finalmente recuperar sua consciência tendo maior facilidade em aderir a parte do tratamento que é conduzida com a terapia.

Claramente existem diversas opções de clínicas de recuperação gratuitas em São Paulo, as mesmas acabam fornecendo um atendimento ambulatorial, focando completamente na redução dos danos.

Sendo assim, entenda ainda que não há como ter um tratamento completo e que realmente seja definitivo, é preciso entender que são apenas atendimentos individuais e pontuais para que essas substâncias causem menos problemas.

Desta maneira, para poder conquistar um tratamento bem mais completo e que consiga focar em uma recuperação total do paciente, então as clínicas de reabilitação acabam sendo indicadas para que esse atendimento venha de uma equipe preparada e multidisciplinar.

Essa mesma equipe deverá ser preparada para tratar muito profundamente as questões do uso e abuso de drogas, ensinando e promovendo ao paciente uma vida bem longe de substâncias e mais consciência aos mesmos.

É possível sim encontrar uma clínica de recuperação gratuita, entretanto, elas possuem suas limitações, porém, muitas vezes essa acaba sendo a melhor solução!